Benefícios aumentam fosso entre servidores


10/08/2015


Enquanto funcionários do Executivo recebem, em média, R$ 4,5 mil de auxílio-alimentação por ano, no Legislativo, o ganho é de R$ 8,7 mil; no Ministério Público, de 9,7 mil; e, no Judiciário, de R$ 10,8 mil. Reajuste não precisa ser especificado em lei No serviço público, alguns são mais iguais do que outros.

O Tesouro Nacional desembolsou, em 2014, R$ 11,8 bilhões, para bancar quatro benefícios para os funcionários - auxílios alimentação, transporte, creche e assistência médica complementar - dos Poderes Legislativo, Judiciário e Executivo. Para este ano, a previsão inicial é de gasto de R$ 12,6 bilhões com esses itens, mas vários aumentos em discussão já indicam que a fatura será maior.

De acordo com os dados apresentados pelo Ministério do Planejamento, porém, há uma profunda discrepância nos valores concedidos. Um servidor do Judiciário chega a embolsar 2,4 vezes a mais que seus colegas do Executivo. Essa remuneração indireta engorda consideravelmente os ganhos do funcionalismo. Em alguns casos, representa praticamente um 14º salário.

Se considerarmos o auxílio-alimentação, um servidor do Poder Judiciário recebe, em média, uma subvenção anual de R$ 10,8 mil. Entre os funcionários civis do Executivo, a quantia é de R$ 4,5 mil no período. Entre os militares, o valor é menor ainda: R$ 3,3 mil. Enquanto isso, os servidores do Ministério Público da União (MPU) recebem, no período, R$ 9,7 mil. E os do Legislativo, R$ 8,7 mil.



Vera Batista
Correio Braziliense

 






























Reforma e ampliação do Espaço Social da AGASAI foi inaugurada oficialmente
Ontem, dia 22, o novo Espaço Social da AGASAI foi oficialmente inaugurado e apresentado pela Diretoria ao Conselho Fiscal e Diretores de outras entidades representativas do funcionalismo federal.
Leia mais
Tabela INSS
Reajuste 15,8%


2013
2014
2015
Tabela Seguridade Social
Reajuste 15,8%

Clique aqui
Editorial
O gigantesco abismo salarial entre as carreiras do funcionalismo
Leia mais


Clique para acompanhar a movimentação do cartão Convênio AGASAI
Clique para conferir a movimentação do seu cartão Unik - AGASAI
Clique para acompanhar a movimentação do cartão AGASAI - Unik
Leia Mais O fim da contribuição de servidores inativos
Um dos pontos mais polêmicos da reforma da Previdência de 2003 foi a cobrança de contribuição previdenciária de aposentados e pensionistas do serviço público.
Leia mais
Notícias da AGASAI
Cadastre seu e-mail para receber o boletim semanal de notícias da Associação

 
Siga a AGASAI no Twitter Curta a AGASAI no Facebook