Reforma adia anúncio de nova proposta para funcionalismo federal



25/08/2015


O anúncio da reforma ministerial pela equipe do Planejamento adiou a apresentação da contraproposta aos 21,3% de aumento para os servidores do Executivo Federal. A promessa era de que houvesse uma divulgação oficial sobre o que foi repensado pelo governo no que já foi rejeitado pelas categorias.

Entre as alternativas em análise, a manutenção dos 21,3%, mas a redução de quatro para três anos do prazo de pagamento. Também não estão mais programadas reuniões setoriais da Secretaria de Relações do Trabalho (SRT) do Ministério do Planejamento com representantes do funcionalismo federal para esta semana.

De acordo com a Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal (Condsef), a SRT voltou a alegar dificuldades de agenda para promover os diálogos internos necessários para consolidar e apresentar uma nova proposta aos servidores. O prazo final para enviar os reajustes é o próximo dia 31. Os aumentos têm que estar previstos no Anexo V do Orçamento de 2016. O trecho define as autorizações específicas relativas a despesas de pessoal e encargos sociais para o próximo ano.

Os acordos com as categorias têm que ser assinados até sexta-feira para que todos os recursos sejam incluídos no texto que será enviado ao Congresso.


Alessandra Horto
O Dia































Reforma e ampliação do Espaço Social da AGASAI foi inaugurada oficialmente
Ontem, dia 22, o novo Espaço Social da AGASAI foi oficialmente inaugurado e apresentado pela Diretoria ao Conselho Fiscal e Diretores de outras entidades representativas do funcionalismo federal.
Leia mais
Tabela INSS
Reajuste 15,8%


2013
2014
2015
Tabela Seguridade Social
Reajuste 15,8%

Clique aqui
Editorial
O gigantesco abismo salarial entre as carreiras do funcionalismo
Leia mais


Clique para acompanhar a movimentação do cartão Convênio AGASAI
Clique para conferir a movimentação do seu cartão Unik - AGASAI
Clique para acompanhar a movimentação do cartão AGASAI - Unik
Leia Mais O fim da contribuição de servidores inativos
Um dos pontos mais polêmicos da reforma da Previdência de 2003 foi a cobrança de contribuição previdenciária de aposentados e pensionistas do serviço público.
Leia mais
Notícias da AGASAI
Cadastre seu e-mail para receber o boletim semanal de notícias da Associação

 
Siga a AGASAI no Twitter Curta a AGASAI no Facebook